O secretário estadual de Saúde, Beto Preto, aceitou a proposta do prefeito Lino Martins (PDT) e o Estado vai construir duas UBS’s (unidades básicas de saúde) e um centro de fisioterapia em Bandeirantes, cidade do Norte Pioneiro. O investimento total deve chegar a R$ 2,1 milhões. “Vamos resolver (a construção) das unidades de saúde do Jardim Paraíso e Julieta Lordani e vamos encaminhar o projeto para a construção do centro de fisioterapia de Bandeirantes. A nossa proposta, do governo Ratinho Junior, é levar o atendimento da saúde cada vez mais perto das pessoas nas diversas regiões do Paraná”, disse.

O deputado Romanelli (PSB) acompanhou a audiência do prefeito Lino Martins junto com a vereadora Sônia Zambone (PDT), o vereador Gustavo da Farmácia (PDT) e o ex-prefeito Celso Silva (PDT). “Vamos fazer as adequações nos projetos e também demos um passo importante para a construção do Centro de Fisioterapia, reivindicação trazida pela vereadora Sônia. É muito importante tudo isso e o nosso sentimento de gratidão ao secretário Beto Preto e ao governador Ratinho Junior”, disse Romanelli.

Os projetos para a construção das duas UBS’s e do centro de fisioterapia serão feitos pela prefeitura. Cada UBS deve custar R$ 650 mil e o centro de fisioterapia deve custar R$ 800 mil. “Estamos adequando os projetos das unidades de saúde porque os projetos anteriores tinham um custo muito alto para a contrapartida do Município. Então essas outras duas são menores, mas vão atender muito bem os moradores do Jardim Paraíso e do Julieta Lardoni”, disse Lino Martins.

“Também encaminhamos muito bem a construção de um centro de fisioterapia. Hoje, Bandeirantes paga aluguel do imóvel onde está instalado o centro de fisioterapia. As UBS’s e o centro de fisioterapia são obras para que Bandeirantes possa dar mais qualidade de vida à comunidade”, completou Lino Martins.

Deixe um comentário