O deputado Romanelli (PSB) participa nesta quinta-feira, 29, de seminário regional da Unale (União Nacional dos Legislativos Estaduais) que vai debater a promoção e defesa da cidadania em quatro temas centrais: violência contra a mulher, prevenção ao suicídio, automutilação e sistema único de segurança pública. “Alguns desses temas não são tão novos assim, mas que tomaram uma dimensão e que precisam ser enfrentados pelos legisladores, poder público e pela sociedade de forma geral. Devem ter espaços nos planos e nas agendas de governo e precisam ser ampliados através de programas e projetos”, disse.

O encontro da Unale será realizado na Assembleia Legislativa de Santa Catarina, em Florianópolis, e conta com o apoio do governo federal. “O que estes seminários estão fazendo é quebrar um tabu, principalmente, que depressão não é doença. O suicídio e a automutilação já são uma epidemia, então, a sociedade precisa abrir os olhos para essa realidade e discutir o assunto”, disse o presidente da Unale, o deputado Kennedy Nunes (PSD-SC).

As outras duas edições anteriores ocorreram em Manaus (AM) e em Brasília. Desta vez, o encontro contará com a presença da ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, e dos ministros da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, e da Cidadania, Osmar Terra. Também receberá especialistas nos três eixos de discussão, agentes dos poderes executivo e judiciário, parlamentares e estudantes. (com assessoria de imprensa da Unale).

Deixe um comentário