fbpx

DEPUTADO LUIZ CLAUDIO ROMANELLI (PSB): Sr. Presidente, Sras. Deputadas, Srs. Deputados, creio que passado o processo eleitoral, acho que os que foram derrotados na eleição, isso é democracia, a derrota faz parte do processo, às vezes ganhamos, às vezes perdemos e faz parte disso. O que a mim parece que ficou muito estranho foi o discurso do Deputado Tadeu Veneri.

Ora, Deputado Tadeu Veneri, V.Ex.a sabe melhor do que eu, o quanto que o atual Prefeito de Curitiba, Gustavo Fruet, tencionou para poder fazer com que o Governador Beto Richa não pudesse de alguma forma conseguir fazer parcerias, estabelecer relacionamentos com a cidade de Curitiba. A grande vitória, em minha avaliação, das eleições de domingo último, foi finalmente Curitiba ter por um período, pelo menos, um Prefeito alinhado ao Governo do Estado. E quem vai ganhar com isso? Quem vai ganhar é o curitibano. A primeira medida, que o Governador…

Deputado Stephanes Junior (PSB): Concede-me um aparte, Deputado?

DEPUTADO LUIZ CLAUDIO ROMANELLI (PSB): Que o Governador Beto Richa, até por conta da postura do Prefeito eleito Rafael Greca, é justamente de fazer, de pensar em quem, meu Deus do céu, pensar nos trabalhadores! Porque V.Ex.as e tantos outros não usam o transporte público da capital e nem o metropolitano, quem usa é o trabalhador, é a trabalhadora em seus deslocamentos, são os estudantes, são os servidores públicos, esses utilizam o transporte coletivo.

Deputado Stephanes Junior (PSB): Concede-me um aparte?

DEPUTADO LUIZ CLAUDIO ROMANELLI (PSB): E integrar o sistema é fundamental para que tenhamos uma melhor qualidade de vida, para o nosso povo que mora na região metropolitana. Até porque o fato gerador da exploração da mais valia desse trabalhador – o senhor sabe – se dá em Curitiba e Curitiba tem que estar integrada, sim. O Governo do Estado tem os mecanismos, o Governo do Estado retirou o ICMS do óleo diesel para poder baixar a passagem do ônibus em Curitiba, que era uma medida há tantos anos reivindicada.

Pudesse o Governo Federal também retirar outras, outros tributos, certamente, reduziria o preço da passagem que o povo tem que pagar. O fato que é um momento já de demonstração, Deputado Maurício, a integração a partir do dia primeiro de janeiro vai significar menos gastos, um custo menor para o trabalhador, a trabalhadora.

Essa decisão, desculpe-me, diferente do que o senhor falou aqui – viva o Governador Beto Richa por já ter tomado essa decisão – porque agora ele vai ter um Prefeito que quer fazer parceria com o Município, com o Estado, melhor dizendo. Vai fazer parceria na área da saúde, vamos integrar esses sistemas todos. Na área da segurança pública que é fundamental, a cidade vai ganhar muito com todo esse sistema. Deputado Stephanes Junior, concedo-lhe um aparte.

Deputado Stephanes Junior (PSB): Deputado Romanelli, está coberto de razão. Houve uma incompetência da atual gestão de Curitiba muito grande. Desintegrar o transporte muito mais do que a questão financeira, foi de incompetência, foi uma visão política errada, uma visão curta. O Governo Beto Richa sempre deu condições para que a integração houvesse. A questão de subsídios, questão de transferências de recursos.

E ele, por não ter condições financeiras, ao invés de priorizar esse assunto, rompeu a integração. Foi incompetência da atual gestão do Gustavo Fruet. De qualquer forma, agora, vai ser reintegrado, as pessoas que moram na região metropolitana e trabalham em Curitiba, passam a maior parte do seu tempo aqui, vão ser muito beneficiadas. Então, parabéns ao novo Prefeito Deputado Rafael Greca, ao Governador Beto Richa, porque esse entrosamento é fundamental. E, além disso, vejo essa situação do PT que perdeu em todo Brasil.

No segundo turno não ganhou em nenhuma cidade. O PT hoje tem mais escolas ocupadas do que cidades para administrar. Porque no Paraná essas ocupações são ligadas ao PT, ao PCdoB. Infelizmente, aquela menina que esteve aqui é filha de um militante, funcionário do PT, enganou a todos. Não era uma pessoa independente e agora estão saindo das escolas. Muito obrigado.

DEPUTADO LUIZ CLAUDIO ROMANELLI (PSB): Deputado Stephanes Junior, quero dizer o seguinte: não sei se o Prefeito de Curitiba Gustavo Fruet foi competente ou incompetente, mas o povo entendeu que ele tomou decisões erradas. Tanto entendeu isso que não o levou nem para o segundo turno das eleições.

E sabemos que o resultado acabou sendo para a cidade um embate muito duro no segundo turno, com um Deputado desta Casa, o Ney Leprevost, que fez bela campanha, foi até o fim da campanha, mas perdeu a eleição. Eu até disse e escrevi isso: perdeu por um Requião de vantagem para o Rafael Greca ou, melhor dizendo, vou falar a frase como eu escrevi: o Rafael Greca ganhou do seu oponente com um Requião de vantagem.

Deputado Stephanes Junior (PSB): Dá mais Requião e Tadeu junto.

DEPUTADO LUIZ CLAUDIO ROMANELLI (PSB): Mas, Maurício, felizmente não se ofende com isso, ao contrário, ele leva numa boa, que eu acho que está correto. Quero também apenas concluir dizendo que em relação à questão das ocupações das escolas e das greves, felizmente, a APP-Sindicato, ontem, colocou fim à greve e agora temos mesa de negociação. O Governo está encaminhando à Assembleia para cumprir o acordo que fez, a retirada do art. 33 da Emenda n.º 43. Foi esse o compromisso que foi assumido e está sendo cumprido.

E, ao mesmo tempo, sabemos, já na quinta-feira, haverá uma mesa de negociações entre o Sindicato, servidores e o Governo do Estado, para que possamos construir uma solução que seja financeiramente possível e viável do ponto de vista político. Sabemos que é um desafio, mas vamos trabalhar para encontrar uma solução.

Da mesma forma, as ocupações das escolas, de 850 ocupações, hoje temos 315. Ao final do dia, provavelmente, teremos 200 e, até o final da semana, espero eu que com o Enem, zere isso em um processo de diálogo, de discussão fraterna, sem querer ofender ninguém, brigar com ninguém. A nossa jovem estudante Ana Julia, que veio à Assembleia, teve um pequeno arroubo em seu discurso, mas reconheçamos, aqui do outro lado…

Deputado Tadeu Veneri (PT): Um aparte, Deputado.

DEPUTADO LUIZ CLAUDIO ROMANELLI (PSB): Pode falar o que quiser, concordar ou divergir da Ana Julia no conteúdo que ela disse, mas é bom ver uma jovem de 16 anos poder estar pensando e discutindo. Entendo assim, Deputado Stephanes Junior, sei que o senhor não concorda comigo e respeito, porque o senhor quando era jovem já pensava, já falava, já discutia, conheço os seus posicionamentos e desde jovem conseguiu expressar o que pensa.

E entendo que o jovem tem que ser isso mesmo, o jovem tem que ter posição, seja à Esquerda ou à Direita. E entendo assim, a formação do jovem vem da família. Claro, muitos até criticaram o pai da Ana Júlia. Felizmente o pai da Ana Júlia tem uma visão de mundo que passou para a filha. Tenho tentado fazer isso para os meus filhos também e meus filhos, penso eu, estão fazendo a mesma coisa.

O seu pai e de outros todos passaram para seus filhos os seus valores e não vejo nada de mais em relação a isto. E quero dizer o seguinte, não vesti a carapuça. Todos sabem, não só eu como muitos que estão aqui trabalharam muito – a Deputada Cristina mesmo, não faz discurso, não faz alarde do que faz, mas trabalhou lá em Guarapuava discutindo com os manifestantes, conversou com os ocupantes, foi buscar soluções.

E temos, cada um da nossa forma, que fazer a nossa parte mesmo. Então, o fato é que temos que ter coragem de assumir as posturas e buscar o diálogo como um método para solucionar os desafios que temos porque, assim, ninguém se engane, o Brasil mudou, desde junho de 2013 o Brasil é outro, temos que nos acostumar a fazer política de uma forma diferente. É isto. Concluo, Presidente, agradecendo… (É retirado o som.)

SR. PRESIDENTE (Deputado Ademar Traiano – PSDB): Para concluir.

 

DEPUTADO LUIZ CLAUDIO ROMANELLI (PSB): Agradeço a todos e certamente estaremos debatendo os temas todos.