fbpx

Projeto propõe título de capital do cimento para Rio Branco do Sul

Os deputados Luiz Claudio Romanelli (PSD) e Alexandre Curi (PSD) apresentaram nesta segunda-feira, 11, o projeto de lei que concede a Rio Branco do Sul, cidade da região metropolitana de Curitiba, o título de capital do cimento da América Latina. “Rio Branco do Sul é um importante pólo de riquezas minerais, como argila, argilito, filito, siltito, rocha carbonática e rocha para revestimento e ornamental. Por isso, são muitas as indústrias instaladas ali, produtoras de cal e calcário – além do cimento”, afirmam os deputados.

O município, segundo Romanelli e Alexandre Curi, é conhecido internacionalmente pela grande produção de cimento, possuindo a maior fábrica da América Latina, com capacidade para produção de sete milhões de toneladas do produto ao ano, empregando mais de 90% da mão de obra local.

Rio Branco do Sul é economicamente essencial para o Paraná, afirmam os deputados, com relevante capacidade industrial que gera emprego e renda. “A cidade tem mais de 32 mil moradores e além da maior fábrica de cimento da América Latina, seu parque industrial se destaca na produção de implementos rodoviários, cal e extração de minérios”.

O município tem ainda áreas de reflorestamento para produção de madeiras e lenhas. Na agricultura, os destaques são para a tangerina, mandioca, feijão, soja e milho.

Deixe um comentário