O deputado Romanelli (PSB) defendeu a inclusão de obras prioritárias para o Norte Pioneiro no banco de projetos estruturantes lançado pelo governador Ratinho Junior nesta quarta-feira (7). O Estado planeja investir R$ 350 milhões nos próximos anos na reestruturação de rodovias, ferrovias e da segurança pública. “Esse banco de projetos de infraestrutura são fundamentais ao Paraná, mas temos que elencar as prioridades e os projetos, alguns já prontos, devem estar entre os prioritários”, disse.

Romanelli destacou ainda a proposta do Estado de investir em infraestrutura, porém reafirmou que projetos importantes para a região do Norte Pioneiro foram excluídos do cronograma. Entre as obras estão as melhorias na PR-092, a duplicação do perímetro urbano de Siqueira Campos e a construção do contorno da cidade.

“Também está em execução o projeto de implantação das terceiras faixas da PR 092 e, além disso, tínhamos a previsão da construção de um presídio no Norte Pioneiro”, enumerou.

Projeto – Ratinho Junior adiantou que os recursos do Tesouro Estadual no montante de R$ 290 milhões servirão para obras de pavimentação, estudos ambientais e de viabilidade, trevos, contornos e pontes em ligações rodoviárias; outros R$ 40 milhões para renovar a malha ferroviária e concretizar a ligação Foz do Iguaçu-Paranaguá; e R$ 20 milhões para segurança pública, o que inclui a Cidade da Polícia, penitenciárias, institutos de criminalística e batalhões.

“Nosso objetivo é apresentar para a população um programa que não é para o nosso mandato, mas que vai ficar por muitos anos à disposição dos próximos governadores, deputados e secretários. A ideia é fazer do Paraná uma central logística da América do Sul”, afirmou o governador Ratinho Jr.

Guto Silva, chefe da Casa Civil, destacou que o banco de projetos tem como objetivo deixar um legado transformador no Paraná. “Nós temos o péssimo hábito de correr atrás dos investimentos, mas sem projetos. Eles demandam muito tempo de preparação e licitação antes das obras. É uma aposta do Governo de condensar as demandas represadas há muito tempo. Com os projetos prontos, passamos a buscar recursos para as obras”, ressaltou.

Prioridades – O chefe da Casa Civil também afirmou que o Governo e os deputados estabeleceram prioridades dentro dos projetos e que a intenção é acelerar as obras para melhorar a vida da população. “É um sinal do nosso planejamento. Esse é o rito que deve ser seguido. De forma muito organizada vamos iniciar com os projetos, o que garante que no futuro não estejamos amarrados a problemas antigos”, disse.

“Além disso os deputados têm o ajuste fino, o contato direto com a população, isso se somou na intenção de construir um banco muito sintonizado com as demandas da população”, acrescentou.

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ademar Traiano (PSDB), disse que a iniciativa do governador estabelece ponte permanente para atender todas as regiões do Estado. “Os projetos foram desenhados em função das prioridades elencadas pelos deputados. É fundamental que haja uma perfeita harmonia entre o Poder Executivo e a Assembleia para que os projetos possam evoluir”, ressaltou.

Deixe um comentário