O deputado Romanelli (PSB) participou nesta terça-feira, 13, da homenagem aos 160 anos da Igreja Presbiteriana do Brasil proposta pelo deputado Coronel Lee em sessão solene da Assembleia Legislativa. “Eu tenho uma admiração muito grande pelo trabalho das igrejas. Tenho o nome do pastor Elias Abrahão, o qual convivi durante muitos anos, uma referência da Igreja Presbiteriana. Ele foi secretário estadual de Educação e deputado federal, aprendi muito com ele, um grande orador, figura incansável pela evangelização no Paraná. É uma honra para o poder legislativo prestar esta homenagem”, disse.

Romanelli destacou ainda o trabalho pastoral e social da igreja junto aos mais necessitados e às pessoas que mais precisam de conforto e apoio espiritual. “Quero cumprimenta-los pelo trabalho, pela defesa que as pessoas tenham vida e como Cristo disse: que tenham vida e abundância. Essa riqueza da fé é extraordinária para a sociedade”, disse.

“Imagina se não tivéssemos as igrejas católicas, evangélicas e de outras religiões que pregam o nome de Deus. Nós temos essa relação de pertencimento com a nossa fé, para com o país de tanta complexidade e para que possa se manter unido nos desígnios de uma vida cidadã. E o trabalho extraordinário e fundamental que as igrejas realizam movido pela fé. E para a Igreja Presbiteriana e as igrejas que trabalham de forma séria, temos que celebrar sempre esse extraordinário trabalho feito em todo o Brasil”, completou.

Sacerdócio – O deputado Coronel Lee, que propôs a homenagem, disse que a igreja consegue entrar áreas da sociedade em que mesmo o poder estatal não consegue penetrar. “Esta homenagem é um reconhecimento ao trabalho de auxílio em áreas como a educação e a saúde, além da espiritual, que é a maior vocação da Igreja Presbiteriana do Brasil. É um sacerdócio”, afirmou.

Dentre os 28 nomes escolhidos pela comunidade presbiteriana paranaense a receber menções honrosas destacaram-se o presidente do Sínodo de Curitiba, reverendo Elizeu Eduardo de Souza; o secretário do Supremo Concílio da IPB, reverendo Juarez Marcondes Filho; e o diretor-geral do Hospital Universitário Evangélico Mackenzie, Rogério Donato Kampa.

A Igreja Presbiteriana do Brasil protestante de origem calvinista, chegou ao país pelas mãos do missionário norte americano Ashbel Green, em 12 de outubro de 1859. Atualmente conta com 650 mil membros e mais de cinco mil igrejas e congregações espalhadas por todos os estados da federação, o que lhe confere o reconhecimento como a 10ª maior denominação protestante brasileira.

Deixe um comentário